Jornal a Voz do paraná
HomeHomeCidade homeCafelândia: Capital do cooperativismo celebra 36 anos de desenvolvimento

Cafelândia: Capital do cooperativismo celebra 36 anos de desenvolvimento

Cafelândia: Capital do cooperativismo celebra 36 anos de desenvolvimento

Localizada a 50 quilômetros de Cascavel, no Oeste do Paraná, o fascínio é tão grande quanto a ostentação arquitetônica e a importância do município. Com quase 18 mil habitantes (segundo o IBGE), Cafelândia completou, neste domingo, (25), o seu 36º aniversário de emancipação política-administrativa.
Os primeiros moradores que habitaram em Cafelândia, encontraram um caixão na beira do rio, área que é um córrego hoje em dia. Paraguaios residiam no território naquela época, assim eles denominaram a localidade com o caixão. Este foi o primeiro nome da cidade, Os colonizadores eram Safristas e se dedicavam a produção de erva-mate.
Em 1951 os moradores da região acharam viável mudar o nome da cidade para Cafelândia, por conta das grandes plantações de café que haviam no território.
Com uma área territorial de 271,527 km², a cidade foi emancipada no dia 28 de dezembro de 1979. A instalação do município ocorreu no dia primeiro de fevereiro em 1983, logo após a eleição municipal, onde foi eleito o primeiro prefeito da cidade, Agenor Pasquali.
Segundo relato de Lyrio de Bertoli um dos entrevistados pelo escritor Mario Vicenti em 2012, para o livro da Copacol 50 anos, algumas famílias tiveram destaque no desbravamento da vila Cafelândia como as de Daniel Perboni, Francisco Krachuski, Benito Fernandes e João Cruz. Também foram pioneiros no início dos anos 50 as famílias Círico, Gríggio, Maltezzo, Oening, Martins, Roecker, Estekoetter, Esser, Petry, Fioravante e Guerino Motter, Germano Alba, além de Ovídio Pianezzer, Caetano e Gregório Squizatto. Depois vieram os Czeniej, Pasquali e uma centena de famílias
A cidade é caracterizada pela grande área de lavoura temporária, proximamente 18.290 hectares, subseguida pela pecuária que contém uma área de 1,851 hectares. Os cultivos de milho (18,600 ha), soja (23,310 ha) e trigo (3,400 ha), possuem a maioria das áreas colhidas. Além de serem os produtos da agricultura que mais agregam valor ao município ambos com R$68.392.000, R$93.405.000 e R$5.440.000 respectivos.
Em 2016, o salário médio mensal da população, era de 1,9 salários mínimos. A parcela de pessoas ocupadas em relação à população total era de 63,7%, Na comparação com os outros municípios do estado, ocupava as posições 244 de 399 e 2 de 399, respectivamente.
Comparação com cidades do país todo, Cafelândia ficaria na posição 2309 de 5570 e 23 de 5570, respectivamente. Considerando domicílios com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa, tinha 27.2% da população nessas condições, o que o colocava na posição 361 de 399 dentre as cidades do estado e na posição 5127 de 5570 dentre as cidades do Brasil.
Durante pesquisa feita em 2015 pelo IBGE, foi indicado que os alunos dos anos iniciais da rede pública de ensino atingiram nota 6,8 no IDEB. Enquanto os alunos dos anos finais chegaram a média de 4,4. Comparando com outras cidades do estado, Cafelândia teria a 32º colocação no ranking entre os estudantes de anos iniciais, e a 142º posição no índice de alunos em anos finais.
A taxa de mortalidade infantil média na cidade é de 7.43 para 1.000 nascidos vivos. As internações devido a diarreias são de 3.5 para cada 1.000 habitantes. Em comparação com outros municípios do estado, a cidade ficaria nas posições 260 de 399 e 82 de 399, respectivamente. Quando comparado com todas as cidades do Brasil, as posições são de 3779 de 5570 e 1001 de 5570, respectivamente.
Para comemorar mais um ano de história, na noite de sábado, a Prefeitura realizou a festa com shows da dupla Cacio e Marcos e da banda Jair Super Cap Show. Ontem, no aniversário a festa se encerrou com as finais do Futsal e Cabo de Guerra fechando a 24ª miniolimpíada com ginásio de esportes lotado e muita festa da equipe campeã: Comunidade Integrada/Asmogui

Rate This Article

avozdoparana@jornalavozdoparana.com.br