Jornal a Voz do paraná
HomeHomeCidade homeCandidatos assumem compromisso com o desenvolvimento

Candidatos assumem compromisso com o desenvolvimento

Candidatos assumem compromisso com o desenvolvimento

Os seis candidatos ao cargo de prefeito de Foz do Iguaçu firmaram a carta-compromisso do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Codefoz), na quarta-feira (15), no auditório da Polícia Federal. O documento reúne propostas de políticas públicas, obras e intervenções urbanas. O documento ainda defende o aperfeiçoamento da gestão, a fim de garantir a efetiva participação e fiscalização da comunidade sobre as ações governamentais.
A carta-compromisso do Codefoz constitui-se em um pacto para o desenvolvimento planejado e estruturado de Foz do Iguaçu. O objetivo é garantir a continuidade e a permanência das medidas de interesse coletivo, evitando descontinuidades na transição dos governos. O termo é resultado de consultas e estudos desenvolvidos desde 2013 e expressa às contribuições de representantes de 180 entidades dos setores público e privado.
O presidente do Codefoz, Roni Temp, destacou a abrangência do documento e a participação da comunidade em sua elaboração. As propostas estão estruturadas em 15 eixos: estrutura do Codefoz, gestão participativa, transparência, gestão profissionalizada, desburocratização, política fiscal, incentivo ao desenvolvimento econômico e social, planejamento urbano, turismo, meio ambiente, área social, educação, educação especial, esportes e cultura. “A carta-compromisso foi amplamente discutida e analisada e representa os anseios da comunidade iguaçuense. São propostas prioritárias em todas as áreas da administração, para que o próximo prefeito realize uma gestão qualificada e verdadeiramente participativa”, ressaltou Roni Temp. “O conteúdo tem caráter técnico, elaborado por especialistas e pessoas que conhecem a realidade de cada área”, frisou o dirigente do Codefoz.
Compromisso dos candidatos
Após a assinatura da carta-compromisso, cada candidato pôde comentar o conteúdo do termo e apresentar suas propostas para os participantes da reunião plenária. Seguindo a ordem determinada por sorteio, os seis concorrentes ao cargo de gestor do município usaram a tribuna por cinco minutos, enfatizando a importância da iniciativa do Codefoz de instituir as diretrizes para o aprimoramento da gestão pública e o desenvolvimento da cidade.
O candidato Chico Brasileiro (PSD) quer retomar a credibilidade de Foz do Iguaçu. “A cidade herdou um processo de destruição da imagem. Vamos recuperar a credibilidade com uma gestão moderna, eficiente e transparente”, disse. Phelipe Mansur (Rede) comprometeu-se com a profissionalização da administração. “Faremos a redução dos cargos em comissão. Nenhuma cidade consegue funcionar com ocupantes de cargos trabalhando para a política”, destacou.
A carta-compromisso foi incluída pelo candidato Osli Machado (PPS) em seu plano de governo. “É uma ação prática para consolidar essa ideia em um compromisso que irá ficar para toda a população”, afirmou. Marcos Jahnke (PTN) defendeu o desenvolvimento como forma de elevar a qualidade de vida. “Promoveremos o desenvolvimento calcado na transparência. Teremos uma gestão firme com a participação direta da população”, apontou.
O candidato Marcelino de Freitas (PT) disse que irá gerir a cidade com participação social. “Para nós, é natural assumir esse compromisso com o Codefoz, e o executaremos em conjunto com a sociedade”, salientou. Irineu Ribeiro (PV) comprometeu-se com a qualificação do serviço público. “Vamos cortar cargos em comissão e valorizar os servidores, fazendo uma gestão democrática e participativa juntamente com as entidades”, pontuou.

Rate This Article
Author

caio@iconeinternet.com.br