Jornal a Voz do paraná
HomeNoticiasDestaqueFoto: Jaelson Lucas Acesse a galeria de fotos Estado destina 78 obras para o Memorial João Turin em Curitiba

Foto: Jaelson Lucas Acesse a galeria de fotos Estado destina 78 obras para o Memorial João Turin em Curitiba

Foto: Jaelson Lucas Acesse a galeria de fotos Estado destina 78 obras para o Memorial João Turin em Curitiba

Pelo menos 78 esculturas originais do paranaense João Turin, que fazem parte do acervo do Estado, irão compor o memorial em homenagem ao artista, que será construído no Parque São Loureço, em Curitiba. O governador Carlos Massa Ratinho Junior e o prefeito Rafael Greca assinaram nesta quarta-feira (14), no Palácio Iguaçu, um protocolo de intenções que formaliza o repasse das obras de arte à prefeitura, para que sejam expostas no memorial.

Nascido em Morretes (Litoral) em 1878, Turin é considerado o precursor da escultura no Estado e um dos expoentes do Movimento Paranista, que buscava construir a identidade regional do Paraná por meio da arte e de símbolos como o pinheiro e a erva-mate. Junto com as obras que estão sob responsabilidade do Estado, o memorial também vai receber esculturas dos acervos da Casa João Turin e do empresário Samuel Lago, que detêm os direitos sobre o acervo do artista.

Além de expôr os originais, está na proposta do futuro Memorial Paranista um jardim com esculturas em grandes proporções das principais obras do paranaense. “João Turin é um dos maiores artistas do Paraná e teve grande reconhecimento internacional. Ele deixou um legado importantíssimo para o Estado, e agora esse grande projeto dará oportunidade para que mais pessoas tenham acesso a essas obras”, disse Ratinho Junior.

Muitas esculturas de Turin, que se especializou em obras que representam indígenas, figuras heroicas e animais, estão espalhadas por Curitiba, como o Tigre Esmagando a Cobra, localizada próximo ao portal de Santa Felicidade. Há 410 obras catalogadas, incluindo também desenhos, pinturas, design de moda e criações arquitetônicas.

“O memorial será um legado à memória do grande artista João Turin 70 anos depois de sua morte”, afirmou Rafael Greca. “Curitiba já tem espaços que homenageiam as culturas polonesa, alemã, italiana, ucraniana, árabe e japonesa. Agora vai ter o parque do Paraná, o Memorial João Turin”, completou.

INFRAESTRUTURA – No encontro, também foram apresentadas obras de infraestrutura que estão sendo planejadas para melhorar a estrutura viária de Curitiba, com foco na mobilidade urbana e na integração do transporte público metropolitano. Os estudos e projetos técnicos estão sendo discutidos desde o início do ano pela Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) e pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc).

Estão incluídos projetos como a ligação da Rodovia dos Minérios com a Rua Mateus Leme, no Abranches; a implantação de binário no Caiuá, o Viaduto do Orleans, e a conclusão do Eixo Leste, entre Pinhais e Curitiba.

PRESENÇAS – Participaram do encontro o secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, João Carlos Ortega; o diretor-presidente da Comec, Gilson Santos; o secretário municipal de Governo e presidente do Ippuc, Luiz Fernando Jamur; a secretária municipal do Meio Ambiente, Marilza Oliveira Dias; a presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Ana Cristina de Castro; o presidente da Câmara Municipal, Sabino Picolo; e os vereadores Pierpaolo Petruzziello e Alex Rato.

Rate This Article

avozdoparana@jornalavozdoparana.com.br