Jornal a Voz do paraná
HomeHomeGuto Silva: governo Ratinho saiu fortalecido nas urnas

Guto Silva: governo Ratinho saiu fortalecido nas urnas

Guto Silva: governo Ratinho saiu fortalecido nas urnas

Acompanhando o governador Ratinho Junior, o chefe da Casa Cívil do Estado, Guto Silva, esteve presente no Show Rural Coopavel 2019, onde pode fazer um balanço do primeiro mês de governo. “Sempre discutimos a necessidade da conexão entre poder público e a sociedade. Precisamos encontrar uma maneira de reinventar esse processo. Primeiro, enxugando a máquina pública. Depois, conversando com a sociedade de forma ordeira e prática. O objetivo é abrir a Casa Civil para que possamos trazer novos atores e possamos ouvir mais. Além disso, a prioridade é dar velocidade aos projetos estruturantes”, declarou.
Guto comentou a trajetória que credenciou Ratinho Junior à vitória nas urnas. “Nos últimos anos, construímos com os prefeitos, os deputados e as lideranças o ambiente necessário para que ele pudesse competir com força nas eleições. Encontramos eco nas ruas. Isso demonstra que esse modelo de fazer política focado no resultado nos dá a garantia para implantar um governo que dê respostas rápidas em forma de obras e ações para melhorar o dia-a-dia de quem precisa”.
O deputado também falou sobre a relação de proximidade que tem com o governador Ratinho Junior. “Em uma relação de confiança, temos liberdade para orientar e aconselhar, e acho que essa foi uma das razões pelas quais ele me escolheu. Eu brinco com ele, que eu posso contrariar o governador”.
DESENVOLVIMENTO REGIONAL
Guto destacou que as regiões do Estado terão a atenção devida por parte governo do Paraná. “Já sabemos quais são os desafios e conhecemos quais as potencialidades de todas as regiões. É importante ter harmonia para que possamos canalizar recursos, obras necessárias e ter ambiente político para transformar. Não tenha dúvidas disso! Conhecemos de “cabo a rabo” as demandas, conhecemos as necessidades e o potencial da região e o governo não atrapalhando já é um bom sinal, agora se fizermos as reformas estruturais necessárias que o Oeste precisa já será um sinônimo de muito desenvolvimento”, pontuou.
Em entrevista ao jornal A Voz do Paraná, Guto Silva comentou que o governo manterá proximidade com os municípios.
Leia, a seguir, a íntegra da entrevista:

Jornal A Voz do Paraná: O jovem governador Ratinho Junior optou por se acercar de secretários e líderes também jovens. A responsabilidade aumenta pela forma nova que o cenário político está se moldando no Brasil e, em especial, no Paraná? Como você avalia esse cenário?
Guto Silva: Nós vemos um tempo de divórcio entre a classe política e a sociedade. O resultado expresso nas urnas evidência que o modelo de governar precisa ser mudado e a proposito o nosso governador propõe justamente isso, apresentar um modelo diferente, não de governo, mas, de comportamento e o Ratinho Junior tem feito justamente isso, reduzindo a máquina, cortando os gastos e isso gera um desgaste político muito grande, mas, nós temos o poder do voto, o governador saiu das urnas muito fortalecido, com uma agenda clara e objetiva e isso tem nos dado condições de realizar as reformas necessárias, a começar pelo número de secretarias, de 28 para 15, uma redução drástica, que, muitas vezes, é incompreendida na classe política, porém, a sociedade está acompanhando e apoiando essa decisão. Esse é o tom do governo transparência para que a gente possa seguir trabalhando em prol dos paranaenses.

Jornal A Voz do Paraná: Qual foi recomendação do govenador ao te fazer o convite de secretário chefe da Casa Civil?
Guto Silva:
A recomendação foi de muito trabalho, muito cuidado com a questão pública, com o zelo do Estado e o comportamento, não adianta falar, discursar e não termos, de fato, o comportamento conectado que o governo quer. A população está de olho e precisamos ser coerentes, principalmente, nesse momento político de transformação que estamos vivendo. Se conseguirmos dar exemplo, teremos crédito para realizarmos as mudanças necessárias, teremos crédito para romper esse colapsos de lideranças no País. O Brasil precisa ir adiante, precisa avançar, então, nós estamos confiantes nessas mudanças, com o aval do nosso governador.

Jornal A Voz do Paraná: Sentado ao lado do governador e frente à Casa Civil, quais são os desafios que você espera encontrar?
Guto Silva: Essa é uma boa pergunta. Nós estamos otimistas, estamos animados, empenhados, perspectivos. É um governo planejado, que tem começo, meio e fim. Nós nos cercamos de bons técnicos para poder transformar e nosso principal desafio é esse: recuperar a confiança da sociedade. Se nós não tivermos o apreço da sociedade, não vamos conseguir avançar, então, o importante é cada gesto e cada ato estar validado com a avaliação e compactação da sociedade. Esse é o maior desafio, resgatar a confiança no processo político e que de fato possamos transformar o nosso Estado.

Jornal A Voz do Paraná: O Oeste pode esperar muito de você?
Guto Silva:
Não tenha dúvidas disso! Conhecemos de “cabo a rabo” as demandas, conhecemos as necessidades e o potencial da região e o governo não atrapalhando já é um bom sinal, agora se fizermos as reformas estruturais necessárias que o Oeste precisa já será um sinônimo de muito desenvolvimento.

Rate This Article

avozdoparana@jornalavozdoparana.com.br