Jornal a Voz do paraná
HomeNoticiasAgronegócioParaná tem o reconhecimento do agronegócio brasileiro

Paraná tem o reconhecimento do agronegócio brasileiro

Paraná tem o reconhecimento do agronegócio brasileiro

O governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior, afirmou que o intenso movimento verificado durante toda a semana no Show Rural Coopavel, em Cascavel, com a participação de pessoas de todo o Brasil e de várias partes do mundo, além da presença da ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, demonstram a relevância da agricultura do Paraná. “É um reconhecimento da importância do Paraná para o agronegócio brasileiro e mundial”, salientou.
Ele lembrou que foi a segunda vez que Tereza Cristina veio ao Estado. Em 24 de janeiro ela esteve em Apucarana para a abertura nacional da colheita de soja. “Queremos esse bom relacionamento com o ministério. Almejamos fazer do Paraná o maior protagonista do agronegócio nacional”, disse o governador, reforçando que o Ministério da Agricultura é fundamental para o Estado avançar neste setor.
Tereza Cristina disse que o governo Federal está em sintonia com o Paraná e que um dos assuntos que une as duas partes é a reestruturação da infraestrutura para o escoamento da safra. O governo federal, disse a ministra, estuda um pacote de concessões para ampliar os modais logísticos do País e melhorar as rodovias. “Estamos empenhados em resolver os gargalos da infraestrutura nacional, mas isso é um projeto para médio e longo prazo”, disse a ministra. A ideia vem ao encontro de projetos do Governo do Estado para melhoria da infraestrutura no Paraná.
Entre as propostas está a criação de um corredor bioceânico ligando os portos de Paranaguá e de Antofagasta, no Chile; a ampliação da Ferroeste para que consiga chegar até o Porto de Paranaguá e a parceria com o Governo federal para discutir e definir projetos de concessão.
FINANCIAMENTO
No encontro, também foi destacado o aporte de R$ 6 bilhões do governo Federal para o financiamento a pequenos e médios agricultores. “Houve um esforço dos ministérios da Agricultura e da Economia para conseguir esse montante, que visa principalmente o médio produtor, que sempre ficou no limbo. Queremos intensificar as ações para o médio produtor rural”, salientou a ministra.

Rate This Article

avozdoparana@jornalavozdoparana.com.br

feito com