Jornal a Voz do paraná
HomeNoticiasDestaqueRanking Regional de Pesca Esportiva no Lago de Itaipu acontece neste sábado

Ranking Regional de Pesca Esportiva no Lago de Itaipu acontece neste sábado

Ranking Regional de Pesca Esportiva no Lago de Itaipu acontece neste sábado

O Iate Clube Lago de Itaipu, ICLI, de Foz do Iguaçu, sediará no sábado (24), a 6ª etapa do Ranking de Pesca ao Tucunaré entre Amigos do ICLI. O evento está no Calendário da Adetur Cataratas e Caminhos e valida pontos para a 3ª etapa da terceira edição do Ranking Regional de Pesca Esportiva no Lago de Itaipu. As equipes participantes do ranking da Adetur disputam quem será a melhor da Pesca Esportiva na região.
A promoção e organização do 3º Ranking Regional é fruto de uma parceria da Adetur Cataratas e Caminhos, juntamente com as associações de pesca esportiva Pesti, Aspeskas, ICLI, Clube de Pesca Esportiva Marechal, Anpemi, Município de Mercedes e conta com o apoio da Itaipu Binacional.
O principal objetivo do Ranking é promover e potencializar ainda mais a pesca esportiva no Lago de Itaipu, bem como a integração de pescadores através da disputa saudável e amistosa em contato com a natureza e aliados ao respeito pelo meio ambiente.
Utilizam-se vários pontos de pesca ao longo do Lago de Itaipu, onde os pescadores participam dos eventos em seis pontos, considerando os municípios de Santa Terezinha de Itaipu, Santa Helena, Foz do Iguaçu, Marechal Cândido Rondon, Missal e Mercedes, A equipe participante pode utilizar uma das seis etapas como descarte. A competição é realizada exclusivamente na modalidade de tucunaré.
As inscrições antecipadas podem ser feitas até quinta-feira, dia 22 de agosto e custam R$ 200,00 para o trio. A partir de sexta-feira, dia 23 de agosto, o valor da inscrição será de R$ 250,00. Esses valores dão direito aos pescadores participarem da competição concorrendo à troféus para os 10 primeiros colocados e troféu maior peixe, além de incluir café da manhã e almoço. A largada para a pescaria será feita as 07 horas e os pescadores têm até as 16 horas para a chegada.
De acordo com o diretor do ICLI, Admir Dacorreio, o Torneio de Pesca Entre Amigos do ICLI visa o congraçamento dos pescadores esportivos da região, além de divulgar o potencial turístico do reservatório da Usina Hidrelétrica de Itaipu no município de Foz do Iguaçu e região. “Também tem por finalidade desenvolver o potencial turístico da pesca esportiva com seriedade, qualidade e técnicas que exigem o segmento, a consciência ecológica dos pescadores do município e região através da divulgação e prática que normatizam a pesca esportiva, visando principalmente o combate de materiais e atitudes poluentes e predatórias”, ressalta.
Segundo Admir Dacorreio, a modalidade da medição adotada no torneio é foto, vídeo, régua. “Isso faz com que o pescador que apanha o peixe tenha a possibilidade de deixá-lo, e pedimos que assim seja, o mais próximo do local que o apanhou e o mais rapidamente possível também. No momento que ele apanha o peixe já mede, faz o vídeo, fotografa e libera o peixe, dando a possibilidade de ele voltar ao ninho aonde ele estava com a ovada ou então com os filhotes. Acreditamos que essa prática está predominando aqui nas pescarias do lago e está dando certo, porque temos notado que o número de exemplares apanhado vem melhorando de tamanho a cada torneio”, avalia.
O gerente do ICLI, Fabio Miranda, que também faz parte da comissão de medição, explica que 10 minutos antes da largada serão entregues as senhas que deverão ser mostradas nas fotos e vídeos. “A chegada é até as 16 horas onde deve ser apresentado a senha e a régua de medição no posto de fiscalização para serem computados os exemplares. Cada equipe deverá apresentar no posto de jurado no máximo quatro exemplares, foto e vídeo, para fim de pontuação. Somente serão aceitos os vídeos que comprovem efetivamente a medida dos peixes e soltura. O vídeo deve mostrar claramente a medida do peixe e sem interrupção a respectiva soltura”, afirma.
Fabio Miranda salienta que o sistema de pontuação será um ponto para cada centímetro de peixe. “No ato da apresentação das fotos e vídeos se for constatado que o peixe tem um pouco a boca aberta serão descontados dois centímetros do tamanho do exemplar. Caso esteja com a boca totalmente aberta será descartado o exemplar. Para a classificação será feita a somatória do tamanho dos quatro peixes. A equipe não poderá sob nenhuma justificativa manter peixes mortos dentro da embarcação, sob pena de desclassificação imediata no ato da vistoria. Só serão aceitas iscas artificiais”, finaliza.

Rate This Article

avozdoparana@jornalavozdoparana.com.br

feito com