Jornal a Voz do paraná
HomeHomeEntrevista homeMatelândia é referência em gestão para o Paraná

Matelândia é referência em gestão para o Paraná

Matelândia é referência em gestão para o Paraná

Um dos principais compromissos políticos de uma administração pública é cuidar das pessoas. Por isso, com trabalho, garra e determinação, o governo de Matelândia, guiado pelas mãos do prefeito Rineu Menoncin (Texeirinha), tem mantido, nos últimos anos, investimentos constantes, com o intuito de consolidar políticas públicas que priorizem o ser humano e promovam o bem-estar, a melhoria da qualidade de vida da população e o pleno desenvolvimento do município.
Em janeiro de 2017, Texeirinha dará início ao seu segundo mandato à frente da Prefeitura de Matelândia, o que demonstra o reconhecimento da população a uma gestão austera, transparente, dinâmica e de grandes resultados. Por sua atuação nas áreas de saúde, educação, habitação, finanças, esporte e meio ambiente, Texeirinha torna-se referência como um dos melhores gestores públicos da região Oeste e do Estado do Paraná.
Em entrevista ao jornal A Voz do Paraná, Texeirinha fez uma análise do panorama eleitoral de Matelândia, onde venceu a eleição com 61.42% dos votos válidos. “A reeleição foi mais uma vez a aprovação do trabalho bom realizado, um novo mandato em que o povo aguarda esperançoso novas conquistas, novas realizações e que o desenvolvimento de Matelândia continue ganhando repercussão estadual e melhorando a qualidade de vida da população”, ressaltou o gestor público.
O prefeito reeleito quer dar continuidade ao trabalho bem-sucedido que vem desenvolvendo em Matelândia e, para isso, pretende investir mais na saúde e nos espaços públicos do município. “A área prioritária sempre será a saúde. Todas as pastas são importantes e recebem toda a atenção, porém, a saúde passa a ser o foco principal, pois é um setor primordial para qualquer ser humano. Com base neste princípio, vamos investir mais nesta área, seja através de recursos vinculados, seja através de economia e recursos próprios”, enfatizou Teixeirinha, destacando que “teremos a contratualização de mais entradas de UTI, o aumento na oferta de exames de especialidades e também de cirurgias eletivas bem como a ampliação e melhoria dos serviços prestados em todas as UBS”.
Leia, a seguir, a íntegra da entrevista:

“A reeleição foi mais uma vez a aprovação do bom trabalho realizado”
Jornal A Voz do Paraná – Enquanto muitos prefeitos da região tiveram dificuldades para garantir a reeleição, você teve uma vitória expressiva em Matelândia. Como você avalia essa vitória?
Texeirinha – O Brasil passa por um momento tanto quanto diferente, momento de transformação tanto política quanto econômica. Os gestores que foram reeleitos, que tiveram a aprovação de seus mandatos, foi porque a população entendeu que de fato eles fizeram por merecer, que não houve atos de corrupção, que o seu governo foi transparente. Em síntese, a reeleição foi mais uma vez a aprovação do trabalho bom realizado, um novo mandato em que o povo aguarda esperançoso novas conquistas, novas realizações e que o desenvolvimento de Matelândia continue ganhando repercussão estadual e melhorando a qualidade de vida da população.

“Abriremos muitas portas para mais investimentos em nossa cidade”
Jornal A Voz do Paraná – Quais são as suas expectativas nesses próximos quatro anos de governo?
Texeirinha – Tivemos muitas conquistas neste primeiro mandato, exemplo disto é a duplicação da BR277, uma obra que era esperada pelos munícipes há anos e acabou por ceifar muitas vidas até a sua realização; conquistamos também uma escola totalmente ampla e moderna em nosso Distrito; abrimos muitas portas para mais investimentos em nossa cidade ao nos aproximarmos da Cooperativa Agroindustrial Lar, com o pagamento de uma dívida antiga, hoje saímos da inadimplência para sermos parceiros. Fizemos muito, mas nossa expectativa para os próximos quatro anos é ainda mais audaciosa, queremos dar estabilidade econômica para o nosso município, já estamos neste caminho e avançaremos mais. Outro ponto muito importante a ser trabalhado fortemente é o empreguismo, hoje o Brasil passa por um momento difícil em todas as áreas, e principalmente no quesito emprego, ao criarmos mais possibilidades para nossos munícipes, estamos promovendo o sustento de uma família, o gasto no comércio, o capital de giro em nossa cidade. Nossa responsabilidade só aumenta, seja como gestores, seja como cidadãos, promover a maior segurança em nosso centro, bairros e vilas, seja com ajuda do governo Federal e estadual ou com recursos próprios passa a ser uma prioridade e também um desafio.

“Juntos podemos somar e reivindicar melhorias aos nossos municípios”
Jornal A Voz do Paraná – Você é um grande admirador dos trabalhos da Amop, como o senhor vê os trabalhos realizados pela entidade na região Oeste do Paraná?
Texeirinha – Sim, realmente sou um grande admirador dos trabalhos da Amop e vejo o quanto ela se faz necessária. Essa associação é muito forte perante o Governo Estadual e Governo Federal, trata-se de uma ferramenta para os municípios, um elo entre eles e as outras esferas. Juntos podemos somar e reivindicar pelos nossos municípios e por nossa região. Vejo a necessidade e gostaria que houvesse algumas mudanças na dinâmica interna da Amop, tenho a visão de que podemos ampliar os trabalhos e o envolvimento com os municípios, ofertando maior assistência, aperfeiçoando as gestões, dando maior ênfase e suporte aos associados. Mas isso é uma questão a ser trabalhada e discutida com os prefeitos para inclusive vermos a possibilidade de compor uma nova diretoria e propor então essas mudanças.

“Não há mais espaço para amadorismo nas gestões”
Jornal A Voz do Paraná – Esses prefeitos novos que vão assumir precisam receber um incentivo e orientação sobre o governo. Qual sua ideia em relação à Amop, o que ela poderá oferecer para os futuros prefeitos, para que eles possam ter sucesso administrativo em sua gestão?
Texeirinha – Perfeitamente, todos os prefeitos que estão assumindo, principalmente aqueles que iniciarão o seu primeiro mandato, devem passar sim por uma preparação ou até mesmo uma orientação muito detalhada, pois a Lei de Responsabilidade Fiscal hoje está presente em cada ato do administrador, que por sua vez precisa estar ciente e instruído de como proceder para que não venha a cometer algo ilícito por falta apenas de conhecimento e não por vontade ou má fé. A cobrança é muito grande, seja por parte do Ministério Público ou do Tribunal de Contas e isso é algo bom para os municípios, tendo em vista que mantém aqueles que estão realmente empenhados em fazer o melhor por sua população, promove a transparência, a ética e a legalidade em cada ação. Desta forma, a Amop deve estar atenta a todas essas mudanças e exigências, ofertar cursos, capacitações, discussões, ofertar o que há de melhor no Paraná e no País, para que deixemos aprimorados estes prefeitos para que possam fazer uma gestão séria e responsável, porque não há mais espaço para gestões amadoras, nós temos que fazer uma gestão de sucesso. Nós estamos sendo muito visados, a classe política hoje é a vitrine do país, então precisamos estar representando os nossos munícipes com muita qualidade e para isso precisamos nos aprimorar.

“Vamos fazer de Matelândia uma cidade mais bonita, humana e progressista”
Jornal A Voz do Paraná – Relativamente a obras, quais serão as suas prioridades para os próximos quatro anos em Matelândia?
Texeirinha – Nossa cidade necessita da construção de uma nova rodoviária em um novo espaço, para tanto, já estamos em fase de elaboração de projetos para esta obra. Há poucos dias, homologamos a licitação para construção de um novo Centro. Já temos licitado o poliesportivo que atenderá o público de 3 mil pessoas, centro de triagem, investimentos na saúde, mais posto de saúde no São Cristóvão e Vila Pazza, revitalização da Paraná. Vamos fazer de Matelândia uma cidade mais bonita.
“A área prioritária da nossa administração sempre será a saúde”
Jornal A Voz do Paraná – Qual área será prioritária e quais serão os investimentos realizados nessa área?
Texeirinha – A área prioritária sempre será a saúde. Todas as pastas são importantes e recebem toda a atenção, porém, a saúde passa a ser o foco principal pelo fato de que por vezes as outras esferas, seja estadual ou federal, não conseguem atender a demanda do que lhes cabe, ficando para o município a responsabilidade de atender os seus, além do que lhe seria de obrigação. Exemplo disso, é que teríamos como nossa responsabilidade apenas a atenção básica, mas estamos fazendo muito mais do que isso, uma gama muito grande de serviços que são responsabilidade do Estado e do governo Federal está sendo atendida pela administração de Matelândia, pois entendemos que o serviço não pode parar, as pessoas necessitam ser atendidas e saúde é primordial para qualquer ser humano. Com base neste princípio é que vamos investir mais nesta área, seja através de recursos vinculados, seja através de economia e recursos próprios, teremos a contratualização de mais entradas de UTI, o aumento na oferta de exames de especialidades e também de cirurgias eletivas bem como a ampliação e melhoria dos serviços prestados em todas as UBS.

“Nossa administração manteve-se sempre aberta, com dinamismo e responsabilidade”
Jornal A Voz do Paraná – Em sua opinião, o que levou a população matelandense a lhe dar a oportunidade em governar o município por mais quatro anos?
Texeirinha – Entendo que esta oportunidade de estar à frente do município por mais quatro anos é fruto da confiança que a população tem em nosso trabalho. Fizemos uma gestão voltada para as pessoas, um trabalho com foco no ser humano. Nossa administração manteve-se sempre aberta, com dinamismo, onde as pessoas tiveram vez e voz. Buscamos de todas as formas cumprir o máximo daquilo que nos propomos em nosso plano de governo da eleição passada, e tivemos êxito, conseguindo realizar grande parte daquilo que nos comprometemos. Hoje, as pessoas não esperam mais por alguém que fale bonito e venda sonhos em promessas, elas querem ser representadas, querem ser atendidas com qualidade, com respeito, elas querem ver resultados. E esse é nosso enfoque, ir de encontro aos anseios da população.

“Matelândia está trilhando o caminho do desenvolvimento”
Jornal A Voz do Paraná – Como você avalia os primeiros quatro anos seus à frente de Prefeitura de Matelândia?
Texeirinha – É de certa forma difícil avaliar o próprio trabalho, mas pelas urnas é possível vermos que as pessoas em sua maioria nos aprovaram que nos avalizaram mais uma vez porque acreditam no nosso trabalho, porque fizemos muitas coisas boas. Mas, queremos e vamos fazer mais, agora com mais experiência, com mais conhecimento, temos inúmeras possibilidades. Trabalhamos muito para que Matelândia pudesse estar no caminho do desenvolvimento, sem percalços, sem nada que a comprometesse, resultado disso, é que hoje não estamos mais no rol da inadimplência, quitamos diversas dívidas antigas e deixamos o nosso caixa em dia, dando subsídio para que possamos iniciar 2017, uma nova gestão livre de compromissos financeiros exorbitantes e que impedem um município de avançar. Com base nisso, é que estamos confiantes de que faremos nesta próxima gestão um trabalho ainda melhor do que fizemos em nossos primeiros quatro anos.

“Trabalho em conjunto gera resultados benéficos”
Jornal A Voz do Paraná – Como será o seu relacionamento com a Câmara de Vereadores?
Texeirinha – O relacionamento do Executivo com o Legislativo sempre foi muito bom. A abertura de ambas as partes para discussão dos projetos, para a busca das melhores soluções para os problemas, permitiu que Matelândia avançasse, pois o trabalho em conjunto gera resultados benéficos para todos. E nosso intuito é continuar trabalhando desta forma, em parceria, visando sempre melhor para toda a população.

“O progresso tem sido diferenciado”
Jornal A Voz do Paraná – Qual é o diferencial de Matelândia hoje em relação há tempos anteriores?
Texeirinha – Não vejo diferencial no campo político e sim no campo econômico. Matelândia tem crescido muito rápido e nós temos que nos organizar para acompanhar este crescimento e todas as consequências boas e ruins que ele promove. Nossa cidade precisa estar adequada para essa projeção de desenvolvimento. Enquanto o País enfrenta várias dificuldades em todas as áreas, Matelândia segue na contramão, tendo sim as suas dificuldades, porém, mantendo os serviços, mantendo os investimentos, as obras, as melhorias para a população. O progresso de Matelândia tem sido diferenciado. Precisamos de mais segurança, mais educação, saúde, maior subsidio ao agronegócio que fomenta o nosso município, temos ciência disso e estamos buscando, seja através de parcerias com o Governo Estadual, Governo Federal, através de economia, através de uma gestão planejada. Nosso trabalho continua tendo o mesmo foco, a mesma preocupação, que é cuidar bem das pessoas, que tratar cada cidadão da melhor maneira possível em todas as áreas. E assim, faremos com que Matelândia seja referência para outros municípios, para nossa região, para nosso Brasil. Queremos transformar Matelândia, a cada dia, em um lugar melhor para se viver, para criar os flhos, para se investir e morar.

Rate This Article
Author

notificacao@agenciacaos.com