Jornal a Voz do paraná
HomeHomeParaná deixa de propagar Covid-19 para propagar a estética delivery

Paraná deixa de propagar Covid-19 para propagar a estética delivery

Paraná deixa de propagar Covid-19 para propagar a estética delivery

Com o movimento ‘fique em casa’ se espalhando em meio à pandemia de coronavírus, muitos empresários resolveram apoiar o combate da propagação do Covid-19 após a determinação das autoridades que estabeleceu medidas importantes como o fechamento das casas noturnas, academias, salões de beleza e demais comércios.

Pensando em auxiliar e visando os benefícios futuros, empresas resolveram adotar um plano de contingência para ajudar a população a ultrapassar esse período com saúde mental, física sem perder a beleza. Um dos exemplos é a rede de estética curitibana AD Clinic que hoje possui 21 unidades distribuídas no estado do Paraná, Santa Catarina, Rio de Janeiro e São Paulo.

Com investimento aproximado em 24 milhões de reais, a marca tem como meta colaborar com o crescimento da indústria nacional, abrindo até o mês de novembro 60 unidades entre lojas de rua e shoppings em vários estados brasileiros. Mas os investimentos não param por aí, o CEO da AD Clinic, Rodrigo Nunes, decidiu na tarde de hoje suspender as atividades das clínicas nas unidades físicas, para oferecer suporte gratuito aos brasileiros por meio de lives nas redes sociais e atendimento domiciliar.

Além do empresário, o bate papo contará com presença de biomédico, esteticistas e com o médico Gustavo Tibola que juntos darão dicas de alimentação saudável e beleza. “Precisamos ajudar o Brasil a vencer essa situação do coronavírus e sabemos que, assim que tudo isso passar, as pessoas poderão retomar suas atividades normais e virem conferir nossas novas unidades” afirma o jovem empresário ao enfatizar que Curitiba é “laboratório da beleza” com polo da indústria de cosméticos.

Segundo dados do Sindicato das Indústrias de Produtos de Higiene Pessoal, Cosméticos e Perfumaria do Estado do Paraná, Sindicosméticos-PR, o setor abriga 50 empresas curitibanas que abastecem o mercado nacional e internacional. Somente as exportações do setor saltaram de R$ 38 milhões em 2018 para R$ 42 milhões e 2019.

Rate This Article

avozdoparana@jornalavozdoparana.com.br