Noticias

Parque registra maior visitação de sua história

Um milhão quinhentos e cinquenta mil seiscentos e sete pessoas visitaram o Parque Nacional do Iguaçu nos 365 dias do ano de 2014. Desse total, 904.305 visitantes do Brasil. Os estrangeiros totalizaram 646.302 turistas. Depois dos brasileiros, as nacionalidades que mais estiveram presentes na unidade de conservação, foram: argentinos, paraguaios, americanos, franceses, alemães, espanhóis, japoneses, ingleses, australianos e peruanos. O Parque Nacional do Iguaçu, com sua exuberância natural, atrai culturas e povos dos mais longínquos lugares do mundo. No ano de 2014 foram 172 países representados. Uma das curiosidades foi que os brasileiros visitaram mais o atrativo, com crescimento desse público em 22% em relação ao ano anterior. Outro destaque foram os paraguaios, que ganharam a terceira posição, historicamente ocupada pelos espanhóis. A visita de turistas do Paraguai teve um acréscimo de 3,4% com relação ao ano anterior. Ano atípico A quantidade de turistas estrangeiros teve uma diminuição de 18,49%. Já entre visitantes dos países do Mercosul, a queda foi de 18,25%. Para a direção do Parque Nacional do Iguaçu, diversos fatores contribuíram para essas mudanças, entres elas importantes eventos nacionais, como a Copa do Mundo de Futebol e as eleições brasileiras. Mesmo com essas situações, Jorge Pegoraro, chefe do Parque Nacional do Iguaçu, faz uma avaliação muito positiva sobre o potencial turístico do local. “A visitação às Cataratas do Iguaçu foi surpreendente. Mostrou a força que possui o maior atrativo turístico do Paraná e um dos mais importantes parques nacionais do Brasil. O parque conquistou a maior marca já registrada na sua história, superando o ano de 2012, até então o maior registro de visitação desde que se iniciou a estatística de visitação nos anos 80”. O PARQUE Dirigido pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão federal responsável pela gestão das Unidades de Conservação do Brasil, o Iguaçu é exemplo de integração entre a conservação e o uso sustentável dos recursos naturais. Unido pelo rio Iguaçu ao Parque Nacional Iguazú, na Argentina, o Parque integra o mais importante contínuo biológico do Centro-Sul da América do Sul, com mais de 600 mil hectares de áreas protegidas e outros 400 mil em florestas ainda primitivas, responsabilidade ímpar para ações conjuntas entre brasileiros e argentinos nos esforços de preservação deste tão importante patrimônio mundial. No ano de 2011 a sua principal atração, as Cataratas do Iguaçu, ganhou o reconhecimento como uma das “7 Maravilhas da Natureza”, por votação aberta a pessoas de todo o mundo, da fundação suíça New 7 Wonders.