Cidades

Ações Ambientais marcaram o Dia Mundial da Água em Santa Helena

O Dia Mundial da Água é comemorado em 22 de março e apresenta como objetivo colocar em discussão assuntos importantes relacionados a este recurso natural. Em Santa Helena estão programas atividades ambientais e momentos de orientação como forma de reforçar a importância da preservação da água e o meio ambiente como um todo.            

Na segunda-feira (22) foram recuperadas nascentes em propriedades rurais do interior de São Roque que foram castigadas por erosões ou por algum tipo assoreamento. Este trabalho é realizado pela secretaria de Infraestrutura através do departamento de Meio Ambiente e conta também com o suporte da subprefeitura do distrito. Após a recuperação, as nascentes jorrarão novamente água de qualidade que poderá ser utilizada para o consumo humano, de animais, entre outras finalidades.

De acordo com a diretora de Meio Ambiente, Larissa Bussler, se trata de um trabalho ambiental e também de atenção aos produtores rurais. “Em uma das propriedades que atuamos hoje, o agricultor não tinha mais a água da nascente para os animais e estava com escassez em sua propriedade, mas agora, o problema foi solucionado”, explica.

 

Orientação

Paralelamente a isso, o departamento de Coleta e Reciclagem juntamente com a Vigilância Epidemiológica, está confeccionando um material impresso que será entregue aos contaminados pelo Coronavírus e que orienta as pessoas que estão em isolamento a separar corretamente os resíduos, como forma de garantir a segurança dos responsáveis pela coleta e dos trabalhadores da Usina de Reciclagem.

Conforme Yara Beling, separar corretamente o lixo também é sinônimo de preservação do meio ambiente. “Além do Coronavírus, a Dengue está em evidência no município e é importante que as embalagens sejam bem fechadas para não acumular água e identificar quando o lixo contém máscaras e outros objetos contaminantes”, explica a diretora do departamento de Coleta e Reciclagem.

 

Ainda nesta semana

Também está programa uma atividade em parceria com a Polícia Ambiental no Lago de Itaipu que será de conscientização quanto à preservação dos recursos naturais, sobretudo o reservatório que é fonte de renda para os pescadores e para o Município através do turismo.

Ainda serão plantadas árvores no entorno das nascentes já recuperadas com objetivo de evitar o assoreamento e preservar a qualidade das águas.