Tecnologia

ESET identifica novos malwares visando servidores de governo e transações de comércio eletrônico

 A ESET, empresa líder em detecção proativa de ameaças, descobriu um conjunto de famílias de malware, que não haviam sido documentados anteriormente, que são implementados como extensões maliciosas para o software de servidor web Internet Information Services (IIS). Visando servidores de e-mail do governo e sites que realizam transações de comércio eletrônico, bem como auxiliando na distribuição de malware, essa ameaça opera espionando e manipulando as comunicações do servidor.

 

Além de fornecer uma análise completa das famílias recentemente descobertas, o novo white paper, "Anatomia do malware nativo do IIS", serve como um guia para ajudar a detectar, analisar e mitigar esses tipos de ameaças do lado do servidor.

 

O Internet Information Service, também conhecido pela sigla IIS, é o software para o servidor web do Microsoft Windows que possui uma arquitetura modular extensível. A ESET baseou sua pesquisa em módulos IIS nativos que são maliciosos, onde encontraram mais de 80 amostras exclusivas que foram ativamente usadas no contexto de uma campanha e as classificaram em 14 famílias de malware, 10 das quais não haviam sido documentadas anteriormente.

 

A ESET identificou os cinco mecanismos principais nos quais o malware IIS opera:

 

 

 

Diagrama, Escala de tiempo

Descripción generada automáticamente

Visão geral dos mecanismos usados ​​pelo malware para IIS 

 

 

A ESET compartilha várias recomendações que podem ajudar a mitigar ataques de malware IIS:

 

  • Use contas dedicadas com senhas exclusivas e fortes para a administração do servidor IIS. Solicite autenticação multifator (MFA) para essas contas. Monitore o uso dessas contas.
  • Instale periodicamente atualizações de segurança para o sistema operacional e analise cuidadosamente quais serviços são expostos à Internet para reduzir o risco de exploração do servidor.
  • Considere o uso de um firewall de aplicativo da web e/ou solução de segurança de endpoint no servidor IIS.
  • Módulos nativos para IIS têm acesso irrestrito a quaisquer recursos disponíveis para o processo de trabalho do servidor; apenas módulos IIS nativos de fontes confiáveis ​​devem ser instalados para evitar o download de versões “trojanizadas”. Esteja especialmente atento aos módulos que prometem recursos muito bons para ser verdade, como aprimorar o SEO de forma mágica.
  • Verifique regularmente a configuração do servidor IIS para verificar se todos os módulos nativos instalados são legítimos (assinados por um fornecedor confiável ou instalados propositalmente).

 

“Ainda é muito raro que softwares de segurança de endpoint (e outros) sejam usados ​​em servidores IIS, tornando mais fácil para os invasores operarem sem serem detectados por longos períodos. Isso deve chamar a atenção de todos os portais da web que desejam proteger seus dados de visitantes, incluindo credenciais de autenticação e informações de pagamento", disse Camilo Gutiérrez Amaya, chefe do Laboratório de Pesquisas da ESET América Latina.

 

Para acessar o white paper, acesse: "Anatomia do malware IIS nativo"

 

Para saber mais sobre segurança de computador, entre no portal de notícias da ESET: https://www.welivesecurity.com/br/ 

 

 

Sobre a ESET

 

Desde 1987, a ESET® desenvolve soluções de segurança que ajudam mais de 100 milhões de usuários a aproveitar a tecnologia com segurança. Seu portfólio de soluções oferece às empresas e consumidores de todo o mundo um equilíbrio perfeito entre desempenho e proteção proativa. A empresa possui uma rede global de vendas que abrange 180 países e possui escritórios em Bratislava, San Diego, Cingapura, Buenos Aires, Cidade do México e São Paulo. Para mais informações, visite www.eset.com/br ou siga-nos no LinkedInFacebook e Twitter.

 

Copyright © 1992 - 2021. Todos os direitos reservados. ESET e NOD32 são marcas registradas da ESET. Outros nomes e marcas são marcas registradas de suas respectivas empresas.