Jornal a Voz do paraná
HomeNoticiasCidadesPreso no Paraguai suspeito de matar médica em posto de saúde em MS

Preso no Paraguai suspeito de matar médica em posto de saúde em MS

Preso no Paraguai suspeito de matar médica em posto de saúde em MS

O suspeito de matar a médica Nislaine Colman Benites a tiros em um posto de saúde de Ponta Porã foi preso em Assunção pela Polícia Nacional do Paraguai. Rafael dos Santos é ex-marido da médica, de 31 anos, e foi encontrado na noite de quarta-feira (14), horas depois do crime.

Segundo informações da polícia paraguaia, o suspeito foi levado para Pedro Juan Caballero e deve ser expulso do país vizinho. Ele é o único suspeito de matar a médica na manhã de quarta-feira (14).

Testemunhas disseram à polícia que o homem chegou ao local em uma motocicleta estrangeira, por volta das 9h (de MS), e entrou pela porta dos fundos do posto de saúde, que fica no bairro São Domingos. Ele foi em direção à sala da médica, mas Nislaine estava na cozinha com outras duas colegas.

Quando a médica percebeu que o ex-marido procurava por ela, trancou a porta, mas o suspeito atirou contra a porta e conseguiu arrombar com chutes. Em seguida, ele atirou pelo menos três vezes contra a vítima e fugiu usando uma motocicleta. Na fuga, ele deixou o capacete.

A médica era filha do vereador Marcos Bello Benites (PSDB) de Ponta Porã, conhecido como Marquinhos.

A família da vítima informou que o casal estava separado há três meses e, desde então, a médica estava recebendo ameaças do ex-companheiro. O feminicídio foi registrado na 2ª Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã e será investigado pela Delegacia da Mulher.

Infomações G1.

 

Rate This Article
Author

notificacao@agenciacaos.com