Jornal a Voz do paraná
HomeHomeEducacao homeQualidade do ensino no Paraná está entre as melhores do Brasil

Qualidade do ensino no Paraná está entre as melhores do Brasil

Qualidade do ensino no Paraná está entre as melhores do Brasil

O Paraná alcançou a quarta melhor nota do ensino médio entre as redes estaduais do Brasil segundo dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). O estudo divulgado nesta terça-feira (15) mede a qualidade do ensino no País. Em 2017, o Estado ocupava a sétima posição.

O Ideb é realizado a cada dois anos e na edição atual, que mostra resultados da avaliação feita em 2019, o Paraná conseguiu um fato histórico: obteve o maior crescimento de nota no ensino médio. Estado subiu 0,7, saindo de 3,7 para 4,4 pontos. É a maior evolução desde 2005. Se somadas as notas de escolas federais e privadas, o Paraná aparece em terceiro no ranking.

O Estado também ocupa o primeiro lugar do Brasil entre as redes estaduais no Ensino Fundamental – ‘Anos Iniciais’ (até o 5º ano), com nota de 6,8, e ficou na terceira posição para os ‘Anos Finais’ (6° ao 9° ano).

“A educação do Paraná registra um crescimento expressivo. Há anos a Educação do Estado vinha andando de lado. Agora o Ideb mostra que a qualidade do ensino melhorou. Isto só foi possível graças a um esforço conjunto, a aplicação de novas tecnologias e principalmente pelo grande trabalho dos profissionais da nossa rede” afirma o governador Ratinho Junior.

O secretário de Estado da Educação e do Esporte do Paraná (SEED), Renato Feder, destaca que, além do bom desempenho no ensino médio, o Paraná teve crescimento absoluto de 0,5 ponto, e foi um seis estados a bater a projeção do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) para 2019. Somente Bahia e Pará tiveram o desempenho semelhante.

Todo estado
O resultado do Ideb de 2019 mostra que o desempenho do Paraná cresceu em quase todos os municípios do Estado. Das 399 cidades do Estado, houve alta na nota em 359 cidades. Destas, 336 atingiram a meta estipulada no Ensino Médio.

O mesmo aconteceu na qualidade do ensino entre os alunos do Ensino Fundamental Anos Finais. Houve alta 336 municípios, e 140 atingiram a meta. “Isto reflete o bom trabalho dos professores, a redução da evasão e da reprovação dos alunos e o melhor treinamento do profissional da Educação”, diz Feder.

Mais próximo
Os dados do Ideb mostram outro avanço. Houve redução da diferença da nota entre o ensino privado e o ensino público no Paraná. No Ensino Médio, a queda foi de 2,2 para 2,0 pontos e nos Anos Finais foi de 2,1 para 1,6 ponto. No primeiro caso, o número ultrapassou a rede privada em 0,4 ponto.

O secretário estadual da Educação e do Esporte avalia que o crescimento é resultado de um intenso trabalho da rede estadual de ensino. “Com a divulgação dos números do Ideb queremos reconhecer e parabenizar a atuação de nossos professores”, afirma Renato Feder. “O ranking mostra a atuação de toda a nossa rede e que estamos no caminho certo para o desenvolvimento das alunas e alunos”.

Entenda porque o Paraná foi o estado que mais avançou no Ideb:
– Fortalecimento do trabalho dos professores em sala de aula;
– Criação de programas de redução da evasão escolar (Presente na Escola e Escola Paraná);
– Criação de programas de redução de reprovação (Mais Aprendizagem, Prova Paraná, Se Liga!);
– Melhorias na gestão das escolas.

Rate This Article

avozdoparana@jornalavozdoparana.com.br